Quem manda aqui NÃO sou eu! – Por Mari Patzer

Você provavelmente já ouviu essa frase da sua mãe: “Fulana, quem manda aqui sou eu!” Essa é uma daquelas frases que nós mães falamos sem nem pensar. Com uma bebê, já falei algumas vezes para ela quando não queria me deixar trocar a fralda. Não estou dizendo que isso é ruim, mas que é corriqueiro e sempre escapa. E é certo que nós mães, junto com os pais, somos autoridades sobre a vida dos filhos. Nós “mandamos” nos filhos, mas afinal, quem é que manda na gente? Você já pensou sobre isso?

Hoje temos muito acesso a informação e a forma como podemos formar a nossa opinião. Se você sentar para conversar com outras mães você com certeza ouvirá dicas e palpites de como devemos agir e ser. Existe essa troca de experiência. Mães dividem questões de comportamento, disciplina, o que é certo ou errado, ou a melhor maneira de educar. Em nossa volta, tudo pode influenciar: é a mídia, a bagagem que trazemos da forma como fomos criadas, as outras mães.

Quando o povo de Israel ainda estava peregrinando no deserto, o Senhor Deus deu a eles os primeiros cinco livros da Bíblia – Gênesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronômio. Esses cinco livros tinham por objetivo instruir o povo e instruir os pais e as mães que já existiam em passar de uma geração a outra o amor a Deus. Em Deuteronômio 6 temos essa ordem que pais devem instruir seus filhos, mas o capítulo começa dizendo o seguinte (v.1):

“Esta é a lei, isto é, os decretos e as ordenanças, que o Senhor, o seu Deus, ordenou que eu ensinasse a vocês, para que vocês os cumpram na terra para a qual estão indo para dela tomar posse”.

O povo de Israel havia recebido do Senhor as leis que deveriam obedecer e cumprir e que os marcariam como o povo de Deus. Nós como cristãos temos a Lei do Senhor: a Bíblia. O Senhor nos deu a sua Palavra para nos ensinar, nos instruir, nos corrigir e nos mudar (2 Timóteo 3.16). A mesma finalidade ainda é válida para nós. Temos a Palavra para obedecermos e nos marcar como povo de Deus. Entretanto, muitas vezes prestamos atenção apenas no versículo 7 desse capítulo e deixamos de notar o versículo anterior (v.6).

“Que todas estas palavras que hoje lhe ordeno estejam em seu coração”.

Antes de mandar em nossos filhos e até ensiná-los a Palavra, o Senhor precisa mandar nas nossas vidas. A Bíblia, a Lei de Deus, precisa estar em nosso coração. Os nossos valores, princípios e regras devem vir da Bíblia. A nossa forma de ensinar e repreender deve vir da sabedoria da Bíblia. A Lei do Senhor deve estar no nosso coração e quem nós somos como pais deve ser transformado a partir da Bíblia e assim, então, conseguiremos colocar em prática o versículo 7: “Ensine-as com persistência a seus filhos”.

Infelizmente, o povo de Deus está caindo no mesmo erro que o povo de Israel. O povo de Israel não seguia a Deus de todo coração, mas sim, conforme o que era conveniente. Eram muitos sacrifícios que se cumpriam, partes do Pentateuco decoradas e até leis que se guardavam, mas não passava de aparência. Hoje, o povo de Deus tem ido às igrejas regularmente, ensinado aos filhos cantar “Três palavrinhas só” e levado para as crianças para as escolas bíblicas de férias, mas não passa de conveniências.

Isso se prova na forma como temos educado nossos filhos e como colocamos qualquer filosofia e experiência acima da autoridade da Palavra. Ouvimos tanto dentro das igrejas “com o fulano deu certo, por que com o meu filho não?”, mas não vemos pais muitas vezes aplicando a disciplina bíblica. Justificamos os pecados dos nossos filhos em vez de trata-los com a seriedade que deveria.

Estamos sendo pais mandados pelas influências externas, e não instruídos pelo Pai que é o verdadeiro amor.Ser pais que obedecem as Escrituras não está na moda e nem é fácil, isso porque vamos contra a direção da maré desse mundo. Entretanto, temos nas mãos o bastão do Evangelho que devemos repassar as próximas gerações e a oportunidade de dar aos nossos filhos a verdadeira alegria, que é Cristo Jesus.

Ser uma mãe que é mandada pela Palavra de Deus vai exigir de mim muitas coisas. Exigirá que o meu coração e o meu caráter estejam sempre diante do Senhor para que Ele me transforme. Exigirá que eu busque conhecer as Escrituras e saiba dar razão da minha fé. Exigirá que eu abra mão da minha experiência e daquilo que eu faço e coloque a minha confiança nas promessas de Deus e naquilo que Ele faz.

Nossos filhos são pecadores e precisam da graça e da salvação de Cristo assim como nós. Hoje estamos fazendo escolhas pelos nossos filhos que irão refletir no futuro deles. Se escolhermos viver pela nossa própria vontade, nossos filhos já nascem sabendo escolher as suas próprias vontades. Precisamos escolher a autoridade de Cristo e assim, nossos filhos podem aprender conosco a obedecerem ao Senhor. Nós mandamos nos nossos filhos, mas Cristo, através da Bíblia, precisa ser quem manda em nós.

Não é sobre feminismo… – Por Lari Couto

Não é sobre o Feminismo. Não é sobre o machismo. É sobre o pecado do egoísmo, da humanidade centralizada na humanidade, não como um todo, mas em sí, cada um em seus direitos, nas suas verdades e suas realizações.

Ser cristão é viver por algo maior que você mesma, é mais do que o individualismo de movimentos que buscam saciar seu próprio senso de justiça e interesses. Ser cristão é viver pelo Reino, em favor do próximo, é lutar por igualdade por entender que Deus nos fez iguais e que as diferenças são reflexo de Sua criatividade e sabedoria em desenvolver o encaixe perfeito familiar e social. Ser cristão é ter o coração movido pela justiça de Deus, que se importa com os mais fracos, os oprimidos (Mt 11:28), não faz distinção de ninguém (Tg 2:1-13).

Não é o sexo que nos torna mais importantes, nunca foi. Toda a opressão vivida por mulheres nos séculos passados não tem relação com a forma de Deus as ver, mas sim com o coração pecaminoso e perverso da humanidade, que tem habilidade de transformar benção em maldição, o perfeito em imperfeito. Todas as vezes que a sociedade permitiu ser transformada pelo evangelho a dignidade da mulher e da família foi restaurada.

Em uma sociedade em que a maioria não sabe qual é o seu lugar e quem de fato é, vive em busca de aceitação, seja por imposição ou conquista, ambas insaciáveis, se guardar para descobrir o seu lugar no Regente da humanidade além de ser sensato, é corajoso. Remar contra a maré da mídia doente, da sociedade perdida em seus próprios desejos doentios e vazios. Viver por algo maior é revolucionário e libertador.

Deus tem um propósito único para a família, existe um poder sobrenatural nesta união, é através dela que somos expostos à nós mesmos e ao outro em suas piores versões, é por meio dela que somos desafiados a rompermos o ego, construir junto de outra pessoa, que por mais semelhanças que hajam, sonham e pensam diferente. É através da família que somos estimulados a apresentar à sociedade corrompida o poder de abrir mão dos seus próprios interesses em prol do outro, e por meio de Cristo aprendemos a fazer isto sem anulação de quem somos.

Não é pecado a mulher trabalhar e se destacar, pecado é quando isto domina seu coração no lugar de Cristo, quando obter isto é mais importante que construir uma família, pois é reflexo da vaidade seja profissional ou material. Não é porque é socialmente mais aceito que o homem abra mão de formar uma família ou se dedicar a ela por priorizar suas próprias realizações que não é pecado. Lembre-se: a sociedade é corrompida.

Sim, podemos fazer aquilo que queremos, fomos criadas potencialmente capaz de sermos o que quisermos ser, se descobrir no Criador é a forma mais inteligente gerar a nossa melhor versão. Lúcifer foi criado para ser anjo de luz, mas escolheu ocupar um lugar que não era dele. Temos habilidades únicas, que se usadas da forma correta tem poder para transformar uma sociedade e por isso esta identidade tem sido tão atacada ultimamente, quando não sabemos distinguir a verdade, as mentiras tomam este lugar, nos iludem por serem exatamente o que o nosso coração enganoso deseja ouvir.

Tome cuidado com quais “verdades” norteiam quem você é. Tome cuidado para não querer ocupar um lugar que não é seu. Descubra nEle a melhor parte de você, seja a sua melhor versão em Deus. Deus nos criou de forma única, para exercermos um papel singular e precisamos descobrir nEle como ocupar este papel na sua totalidade, trazendo valor ao que tem valor, deixando que apenas o Espirito Santo permeie nossa mente, elevando nosso padrão de fé e prática, devolvendo a dignidade que o pecado roubou.

2

Lari Couto

RESULTADO do Sorteio + Apresentação do Novo Blog!

Guriassssss! Vocês já perceberam que nosso Blog está de cara nova não é? E para comemorar realizamos um Sorteio lá no INSTAGRAM… muitas de vocês participaram mas a grande ganhadora deste livro sensacional é:

@nicksuyane_

Parabéns guria linda, Deus abençoe muito a sua vida e que esse livro seja benção pra ti!

Meninas, nesse novo ano teremos 2 gurias especiais colaborando com seus textos, ideias e experiências com Deus aqui no blog…

Uma delas é a Mari (ela vai se apresentar um pouquinho) mas gente, essa linda é minha cunhada e mãe da sobrinha mais fofucha e sorridente do mundo (minha sobrinha Agnes), conheçam um pouquinho dela!

“Sou a Mari Patzer, tenho 24 anos, casada com o Ricardo e a mamãe da Agnes. Nasci e vivo no Paraná, mas já tive a alegria de morar no Pará, onde estudei e me formei em Teologia. Hoje, também estou estudando História. Junto com a minha família, trabalhamos no interior do Paraná, para formar uma igreja e assim, ver crescer mais uma linda parte do corpo de Cristo.

Quando tenho um tempinho, amo assistir séries, já cozinhar não é um talento por aqui (o Ricardo é o masterchef), mas sou esforçada. Recentemente, descobri o que é ser mãe. Na primeira semana de vida da Agnes, eu pensava: “o que eu fiz? Nunca mais vou dormir!”. Essa foi só a primeira crise da maternidade. Depois dessa, já tiveram outras muitas. Mas entre fraldas e mamadas, choro e cólicas, sorrisinhos e descobertas, eu descobri mais um lado do amor. O amor de Deus que derrama da sua bondade e graça no nosso dia-a-dia da maternidade.

Sou estudante de História, teóloga, dona de casa, missionária, mas os papéis que mais me trazem desafios é ser esposa e mãe. Mas acima de todos, sou alguém que vem sendo transformada por Cristo através da Bíblia e assim, espero poder abençoar e dividir com tantas outras futuras ou já mamães em formação como eu, a sabedoria que orienta essa tarefa tão especial que recebemos.”

 

E a nossa segunda colaboradora é a Lari, ela é esposa de um dos meus amigos da época de seminário e hoje juntos estão pastoreando uma Igreja no interior de São Paulo, ela não tem filho biológico ainda mas tem um filhão lindo e vai apresentar para vocês!

“Oi, eu sou a Larissa, tenho 25 anos, casada a 3 anos com o pastor Leandro Pereira, dona do Apollo, nosso filho de 4 patas.

Apaixonada por fotografias, moda e decoração. Farmacêutica por formação, mas há 7 meses tenho me dedicado integralmente ao casamento e ministério. Fundadora do “Entre Meninas”, ministério voltado a entender as questões do dia-a-dia do universo feminino à luz da palavra de Deus. Beijinhos, boa semana!”

 

Toda semana você vai poder aprender e ser abençoada com o texto dessas duas queridas, além dos vídeos, dicas e afins que você também encontrará por aqui!

Tomara que vocês curtam muito essa nova fase do nosso blog e possam interagir bastante aqui com a gente!
29313009_1723104761080272_4192745710173327884_n

Nosso propósito sempre será a glória de Deus!
Beijinhos!
Ju Lima!

Voluntarie na Europa

Ahhh quem aqui já não sonhou em morar na Europa e poder conhecer todos aqueles lugares lindos?

Então…vim contar para vocês de uma oportunidade muiiito legal!
Tudo começou quando eu conheci o Saulo, ele é amigo do Diego (meu namorado) e mora lá em São José…10675777_568688706599041_3263911732899923932_n

Ele está com os dias contados aqui no Brasil porque está indo para a Europa trabalhar em um Hotel Cristão como voluntário, é a segunda vez que ele vai lá e me contou um pouquinho de como foi e da oportunidade de trabalhar lá, achei uma boa trazer aqui para vocês!

Como eu disse é um Hotel Cristão, aqui tem o SITE para vocês darem uma olhada!

Então se vc se interessou e quer saber mais entre em contato com o Saulo que está disposto a te ajudar e passar as informações…
O e-mail dele  é saulo.fernando08@hotmail.com e o Facebook!

Se alguma de vocês decidirem ir me aviseee, quero saber como vcs estarão lá pela Europa!
Ps: E quero uma fotinha de Londres…please! rs

Beijos!
Ju,

Quero ter um BLOG!

tumblr_mgh96zY4Im1r2nazno1_500_large_large_thumb[2]

Muiiiiiiitas meninas tem vontade de começar seu espacinho na web…e minha filha minha maior dica para você é COMECE!!!

Quero trazer um encorajamento e dicas para quem também quer ter um Blog. As gurias que me acompanham desde o comecinho sabem que o nosso BLOG aqui ainda é um baby, tem muito para aprendermos, melhorarmos e crescermos. Mas há um pouco mais de um ano atrás eu COMECEI! \o/ 

Sei lá se alguém se interessava pelo que eu escrevia, mas comece fazendo algo para você sabe? Que você curta e que  se sinta bem fazendo! Provavelmente em algum lugar do mundo alguém vai se identificar com você e vai querer acompanhar e interagir com você! Hoje somos quase 2.300 pessoas no face… por que? Sempre terão louquinhas como você e que adoram a sua loucura, ou que se veem no que você tem passado, ou que são seus amigos “meninos” que dão um LIKE para te ajudar (sempre tem rsrsrs brigada aos meus!).

Mas queira fazer primeiramente algo para você e espere não é tão fácil conseguir seu espacinho, mas não desista se for isso realmente o que você quiser! “Ah Ju… mas tem milhares de blogs vou ser mais um!” Vai! Mas seja O mais um rsrs claro que vão existir blogs melhores que o seu mas e daí? Quando você faz com o propósito certo os resultados chegam talvez a longo prazo mas chegam!

Quando postei meu primeiro vídeo do Papo de Guria nem sabia o que Deus faria com aquilo! Conheci pessoas novas por causa deste ministério, recebo muiiiiiiiiiiito carinho das gurias lindas que conheço nas Igrejas, das que deixam seus comentários ou mandam e-mails… enfim! Se todo o seu trabalho alcançar UMA pessoa já valeu sabe? Porque quer coisa melhor do que Deus usar a sua vida para ser benção na vida de um outro alguém? Não tem preço!

Então comece, vá com calma e faça o seu melhor!

Tem aquelas dicas básicas e válidas como investir em uma aparência bonitinha, porque o visual na NET chama muiiiito a atenção então invista nisso! Não to falando que você tem que gastar horrores com isso, não! Mas corre atrás, pesquisa e aprende que vale a pena o esforço!

Depois tenha um conteúdo legal! A minha área são VLOGs de assuntos e enfim, então se eu vou gravar um vídeo tenho que pelo menos estar bem informada daquilo que vou falar né? Se sua área é moda, make up ou outras invista em pesquisas, estude e produza um conteúdo legal que atenda os interesses do público que você tem conquistado!

A divulgação… acredito que hoje o meio mais viral de divulgar seu trabalho é através do FACEBOOK mas use e abuse também de outras redes como Instagram, Twitter dentre outras! 
Mas olha só… nada de ficar vidrada em likes, curtidas e ficar postando “SDV” no instagram dos famosos hein… rsrs relaxe! Quem curtir quando te descobrir irá querer te apoiar!

É isso!!!!!!!
Algumas dicas para quem quer começar!
Quem já tiver BLOG posta aqui nos comentários para eu e as gurias conhecermos!!!

Bjoooo!
Ju.

Cansei de Esperar… – Papo de Guria

Vídeo novoooooooooooooooooooooooo!
Você em algum momento cansou de esperar? Vem comigo ver o nosso vídeo!
Dá para assistir rapidinho antes do jogo hein! rsrsrs

PS: Essas imagens congeladas do Youtube acabam com a pessoa né? rsrsrs

Tomara que curtam!
Bjinhos

www.conselhosparameninas.com